Terra e Paixão às 15:17

Terra e Paixão: Qual o destino de Sidney após armadilha?

Saiba tudo sobre o destino de Sidney em "Terra e Paixão" (Reprodução/Globo)
Saiba tudo sobre o destino de Sidney em “Terra e Paixão” (Reprodução/Globo)

Depois de tantas tentativas de se esconder e acobertar os crimes que fez, chega uma hora que não dá e não tem nem como escapar e não prestar as contas. Logo mais, Sidney (Paulo Roque) será pego no pulo em uma armadilha e colocado atrás das grades. Mal sabe ele que abrir mão de sua liberdade é também a melhor opção para ficar vivo na trama.

O que acontece é que Irene (Gloria Pires) ouviu atrás da porta as conversas do delegado Marino (Leandro Lima) com Tadeu (Claudio Gabriel) e entendeu que se o capanga for pego, será o fim dela e das suas armações, já que foi ele que sabotou o carro que matou acidentalmente Daniel (Johnny Massaro).

Porém, ele não falará nada comprometedor e se recusa a falar qualquer informação para o oficial de justiça, sem a presença de um advogado. O interrogatório começa com o delegado o questionando da morte de Nice (Alexandra Richter):

“Sidney, há uma série de acusações que pesam sobre você. Para começar, você teria sido responsável pelo assassinato de Berenice Borges Ferreira. Você confirma ter matado essa mulher?”.

Nice Terra e Paixão
Nice é desmascarada em “Terra e Paixão” (Reprodução/TVGlobo)

O capanga se faz de desentendido e diz que não saber quem é a mulher. O delegado tenta refrescar a memória dele e diz que a alcunha do nome é Nice, ou seja, o apelido da falsa beata. Ele continua negando e fica quieto. Marino se enfurece e conta o que já sabe:

“Não adianta negar, Sidney. Tadeu Junqueira confessou que te contratou pra dar um susto na Nice, mas você a acabou matando”.

O assassino dirá que não sabe de nada e continua negando tudo, sem nem precisar falar nada, já que permanecerá em silêncio. Marino mostra que sabe que foi ele que alterou os freios do carro e tenta colocar o crápula na parede:

“Você sabe sim. Do mesmo jeito que sabe que está envolvido na morte de Daniel La Selva. Alguém te pagou pra mandar mexer nos freios do carro que ele estava usando quando se acidentou. Quem foi? Quem mandou você contratar o mecânico Ernesto pra mexer nos freios foi a mesma pessoa que mandou você matar ele e a mulher dele, não foi?”.

Ele finalmente abre a boca para falar alguma coisa, mas é para afirmar que todos os nomes que o delegado citou, ele desconhece. Se fazendo de sonso, ele consegue ativar o modo agressivo de Marino, que berra e fala para ele abrir a boca e confessa. Sidney se mostra sem medo e irredutível, debochando da autoriade:

“Quer saber, delegado? Eu não sou besta. Eu sei dos meus direitos. Não vou falar mais nada. Só respondo na presença de um advogado. Quero fazer uma ligação, que eu sei que tenho direito.”

Disk Morte

Sidney liga para a sua chefa, Irene, e conta tudo que está acontecendo. Ele exige um advogado já que quer sair da cadeia o mais rápido possível. O capanga fica aliviado ao saber que logo mais ele estará livre. Cumprindo a promessa, a ex-La Selva o tira da cadeia, mas logo altera seus planos.

Após ele conseguir ser solto e ela comprovar que Ramiro (Amaury Lorenzo) não deu conta de matar o assassino, a madame resolve agir com as próprias mãos e o esfaqueia até a morte, dando um fim no capanga e mantendo seu segredo guardado apenas pelo empregado mais fiel dos La Selva e de Kelvin (Diego Martins). As informações são do Notícias da TV.

Irene (Gloria Pires) em Terra e Paixão
Divulgação/Terra e Paixão/Léo Rosário/TV Globo

No dia 8 de maio, a TV Globo estreou a novela da faixa das 21h, “Terra e Paixão”, escrita por Walcyr Carrasco. A trama, que substituiu “Travessia”, conta a saga de Aline (Barbara Reis), uma mulher forte, cheia de sonhos, que enfrenta o que for preciso pelo futuro de sua família. No elenco ainda estão: Susana Vieira, Agatha Moreira, Tony Ramos, entre outros.

Notícias Relacionadas