Oscar às 13:00

Anthony Hopkins estava dormindo quando venceu o Oscar de Melhor Ator

Reprodução/Instagram

Na noite do último domingo (25), aconteceu a premiação do Oscar e as premiações mais aguardadas são de Melhor Ator, Atriz Filme e Direção e o vencedor na categoria de Melhor Ator foi Anthony Hopkins, no auge de seus 83 anos.

Por conta da pandemia, o ator não estava presente na cerimônia, mas acreditava-se que estava acompanhando a premiação. No entanto, seu agente revelou à revista People que ele “estava dormindo” quando foi anunciado como vencedor pelo trabalho no filme Meu Pai.

Oscar 2021: Confira todos os ganhadores da noite!

"Tony estava no País de Gales, onde cresceu, e estava dormindo às 4 da manhã quando eu o acordei para lhe contar a notícia. Ele estava muito feliz e grato. Depois de um ano em quarentena e vacinado com duas doses (contra a covid-19), ele finalmente conseguiu retornar ao País de Gales e, aos 83 anos, foi um grande alívio após um ano tão difícil. Mas ele amou o papel em Meu Pai, é a atuação da qual ele mais se orgulha", disse Jeremy Barber à revista People.

Porém, mais tarde, Anthony Hopkins fez um vídeo agradecendo pelo prêmio e revelou que não esperava receber o prêmio. Ele, inclusive, homenageou Chadwick Boseman, que morreu no ano passado, e concorria à estatueta com ele.

 

Oscar: Maquiagem, figurino e mais! Saiba os vencedores nas categorias técnicas

"Bom dia, aqui estou eu na minha terra natal, País de Gales, e aos 83 anos de idade não esperava receber este prêmio. Eu realmente não queria. Eu sou grato à Academia e obrigado. Quero prestar homenagem a Chadwick Boseman, que nos foi tirado muito cedo, e mais uma vez, muito obrigado a todos. Eu realmente não esperava por isso, então me sinto muito privilegiado e honrado. Obrigado", completou.

Na legenda a imagem, ele foi só agradecimentos.

"Obrigado à Academia, Sony Pictures Classics, Florian Zeller, UTA, Jeremy Barber, Christine Crais, Mitch Smelkinson, Juan Miguel Arias, minha esposa Stella e família."

Anthony Hopkins ganha o Oscar 2021 de Melhor Ator por Meu Pai