Polêmica às 16:25

Alexandre Correa apaga post negando agressão a Ana Hickmann

Apresentadora fez questão de posar ao lado do marido Alexandre Correa
Apresentadora fez questão de posar ao lado do marido Alexandre Correa – Foto: Thiago Duran/Brazil News

Conforme OFuxico noticiou, Alexandre Correa e Ana Hickmann teriam vivido um episódio de agressão doméstica por parte dele, confirmado pela própria equipe da apresentadora do “Hoje em Dia”, da Record TV, com o público tecendo apoio à comunicadora após o ocorrido.

No início da tarde do último domingo, 12 de novembro, o empresário postou um comunicado oficial e chegou a apagar mais de 2 mil fotos de seu perfil no Instagram, negava que a briga tivesse passado de uma discussão isolada. No dia seguinte, ele admitiu ao Splash UOL que omitiu informações.

Já nesta sexta-feira, 17 de novembro, pode ser visto que Alexandre Correa apagou essa postagem, e como ela era a única disponível no Instagram do empresário, ele está atualmente com nenhuma publicação disponível, além de estar com a foto de perfil toda azul.

perfil de alexandre correa no instagram
Foto: Reprodução/Instagram @alewin71

Sem medo

Em entrevista ao programa “Fofocalizando”, do SBT, que foi ao ar na tarde de quarta-feira, 15 de novembro, Alexandre Correa, marido de Ana Hickmann, acusado de ter agredido a própria esposa, demonstrou ‘não ter medo do que está por vir.

Questionado se tinha medo, ele contou: “Estou dilacerado. Medo? Quando você tem um câncer e quase morre, você perde o sentimento do medo. Medo eu não tenho de nada na vida. Nem da morte. O que eu tenho é tristeza das abordagens que a gente sofre.”

Na terça-feira, 14, o empresário usou o Instagram para expor um dos haters e desabafou sobre o caso, mas apagou a publicação momentos depois.

“Finalizando a contagem agora. Em 72h são 2.854 mensagens de ameaça, ódio e promessa de vingança! Soaria ameaçador se não fosse tão triste e humilhante”, começou ele.

“Saber que estou condenado aos 52 anos a esquecer o direito de ter uma vida como qualquer brasileiro comum. Juízes da internet e desembargadores dos Sites deram a minha sentença, sem direito a recurso e apelação”, finalizou.