Polêmica às 11:00

Antônia Fontenelle é condenada após calúnia contra Felipe Neto

Antônia Fontenelle e Felipe Neto

Reprodução/Instagram

A atriz e apresentadora Antônia Fontenelle está em maus lençóis. Ela foi condenada a pena de um ano e nove meses de detenção em regime aberto e ao pagamento de indenização no valor de R$ 40 mil por três crimes de difamação, um de injúria e outro de calúnia contra o youtuber Felipe Neto.

As informações são da coluna de Ancelmo Gois, do jornal O Globo.

“Mais uma condenação criminal para a bolsonarista. Dessa vez por ter me acusado de aplicar golpes e ser usuário de drogas, além de me chamar de sociopata. Foi condenada a mais 1 ano e 9 meses de detenção, convertidos em serviços comunitários. É mais uma vitória do bem e da verdade!”, chegou a escrever Felipe Neto em suas redes sociais.

Segundo a publicação, a decisão foi do juiz Rudi Baldi Loewenkron, da 34ª Vara Criminal do TJ-Rio, que substituiu a pena privativa de liberdade por duas penas de prestação de serviços à comunidade ou à entidade pública.

O motivo do processo

No dia 24 de julho de 2020, Antônia Fontenelle fez um vídeo, onde detonou Felipe Neto, cometendo o crime de difamação em três oportunidades, além de um crime de injúria, onde o chamou de sociopata, e um de calúnia, ao afirmar que ele é usuário de drogas.

PRINCIPAIS NOTÍCIAS
BBB22: Participantes levam primeira advertência
BBB22: Naiara Azevedo diz que vai ‘se desconstruir’ dentro do reality
BBB22: Gil do Vigor avalia os participantes do jogo no dia da estreia

Siga OFuxico no Google News e receba alertas sobre as principais notícias sobre famosos, novelas, séries, entretenimento e mais!