Polêmica às 02:00

Billie Eilish se desculpa após acusações de racismo por vídeos antigos

billie eilish com fios loiros no banco de um carro com uma feição séria

Reprodução/Instagram

Billie Eilish, uma das jovens cantoras a mais estra em alta na atualidade, se desculpou após vídeos antigos dela viralizarem, cujo conteúdo levou a acusações de racismo por parte do público da artista.

Nesses vídeos, que estão bombando no TikTok, Eilish aparece cantando a música “Fish” de Tyler, The Creator, zombando de sotaques de outras etnias e ainda usando o termo “Chink”, muito utilizado nos Estados Unidos para zombar pessoas de origem chinesa.

Ao notar a repercussão dos vídeos, Billie se pronunciou nos stories do Instagram, garantindo estar envergonhada com o conteúdo gravado anos atrás.

“Eu amo vocês, e muitos de vocês têm me pedido para abordar isso. É algo que quero abordar porque estou sendo rotulado como algo que não sou. Eu estou chocada e envergonhada e quero vomitar por pronunciar essa palavra”, afirmou ela.

“Essa música foi a única vez que ouvi essa palavra, pois nunca foi usada perto de mim por ninguém da minha família. Independentemente da minha ignorância e idade na época, nada desculpa o fato de ter magoado as pessoas. Sendo assim, me desculpem”, explicou a cantora, junto com o fato de que foi gravado quando ela tinha entre 13 e 14 anos de idade.

“Outro vídeo naquele clipe editado sou eu falando em uma voz boba e sem sentido. Algo que comecei a fazer quando criança e fiz toda a minha vida ao falar com meus animais de estimação, amigos e família”, declarou ela sobre aparecer zombando o sotaque outras etnias.

“É jargão absoluto e apenas eu brincando, e de forma alguma é uma imitação de alguém ou qualquer idioma, sotaque ou cultura”, reforçou ela.

Imagem como símbolo e meio de luta pelas causas sociais

Finalizando o pronunciamento, Billie Eilish explicou que sempre gostou de brincar com imitação de vozes na vida, mas que jamais faria isso caso fosse ofensivo para alguém.

“Qualquer um que me conhece já me viu brincando com vozes durante toda a minha vida. Independentemente de como foi interpretado, não quis dizer que nenhuma de minhas ações não tenha causado dor a outras pessoas e me parte o coração que esteja sendo rotulado agora de uma forma que pode causar dor às pessoas que o ouvem”, garantiu.

Por fim, a cantora afirmou que sempre vai usar de sua imagem e fama para ser um meio e símbolo de luta de causas sociais.

“Não só acredito, mas sempre trabalhei muito para usar minha plataforma e lutar por inclusão, gentileza, tolerância, equidade e igualdade”, concluiu Billie EIlish.

stories de billie eilish se pronunciando sobre acusações de racismo após viralização de vídeos antigos no tiktok
Billie Eilish se pronunciou após acusações de racismo (Reprodução/Instagram)