Polêmica às 14:22

Fabio Porchat abre o jogo sobre culpa após separação

Selfie de Fábio Porchat de óculos e sem camisa
Foto: Reprodução Instagram @fabioporchat

O humorista Fabio Porchat comentou abertamente sobre a separação de Nataly Mega, que aconteceu no início do ano de 2023, e falou sobre como a decisão do divórcio foi um alívio para que ele então tivesse a conversa definitiva com a cineasta sobre as decisões que levaram ao término da relação.

Porchat declarou, primeiramente, que demorou a perceber que o desejo de Nataly ser mãe não condizia muito com a relação dos dois, mesmo que estivesse funcionando muito bem:

“Eu demorei muito a perceber isso porque estava em uma relação em que as coisas estavam funcionando. No momento em que percebi, foi muito rápido”.

Na conversa com Cátia Fonseca, no “Melhor da Tarde”, o apresentador ainda ressaltou que sentiu uma grande culpa ao perceber e entender tudo que estava acontecendo. Ele também pontuou que ele sentiu o peso em seus ombros diminuir depois disto, pois, a decisão precisava ser tomada:

“Pensei: ‘Não quero ter filho, preciso dizer isso agora para ela porque precisa tomar uma decisão agora. Não é justo, não foi justo o que fiz (…) Acho que tirei um peso das costas, da paternidade, que me deixou leve, feliz e conectado comigo e com o que quero fazer para o meu futuro. Claro que, ao mesmo tempo, penso: ‘Na velhice, talvez não tenha ninguém’. Mas quem assegura que com filhos vai ter?”.

O Casamento

Em Janeiro de 2023, os dois postaram em suas redes sociais a decisão. Em um trecho da declaração, ele afirmou que o amor permanecia, mas que os caminhos tomados por ambos precisavam ser diferentes naquele momento, pelas escolhas e desejos de cada um:

“Para uma relação amorosa ser boa ela não precisa ser pra sempre. Ela precisa ser verdadeira. Vivemos oito anos maravilhosos juntos. Só temos boas lembranças e um sentimento muito forte um pelo outro. O amor não acabou, mas os caminhos tomaram rumos diferentes”.