Polêmica às 14:50

Holding esclarece demissão de diretor que ofendeu Rafael Portugal

Rafael Portugal, em estúdio, usando fone de ouvido

Reprodução/TV Globo

No último dia 15 de julho, A Viacom, holding que é dona de canais como MTV e Comedy Central, demitiu Caio Corsalette, diretor de talentos e música da empresa. A medida foi tomada após o executivo chamar os humoristas Rafael PortugalThiago Ventura e outros comediantes de “idiotas”. O adjetivo pejorativo foi citado durante uma conversa com a humorista Manu Maciel.

Na tarde desta quarta-feira, dia 28 de julho, a assessoria da empresa entrou em contato com OFuxico, informando sobre o caso de demissão.

A ViacomCBS, em nome do Comedy Central, reforça seu posicionamento de valorização da comédia, bem como o enaltecimento ao talento genuíno de cada profissional dessa classe. Sempre manteve, como marca, um bom relacionamento com artistas e preza muito por essas parcerias. O executivo em questão não faz mais parte do quadro de funcionários da empresa”, diz o comunicado.

ENTENDA O CASO

A conversa entre Caio Cirsalette e Manu Maciel foi gravada e a humorista divulgou o assunto em suas redes.

“Você ofende uma classe da comédia, você nomeia pessoas com quem você acabou de trabalhar e eu aposto qualquer coisa que você não é o homem o suficiente para falar na frente desses caras que eles são idiotas”, disse Manu em conversa gravada com Caio.

Corsalette então questionou qual a profissão de Manu, que replicou afirmando ser comediante.

Veja+: Rafael Portugal sobre carreira musical: ‘Eu componho desde os 16 anos’

“Classe que você acabou de chamar de idiota”. 

Caio, então, disse que nunca iria contratá-la. Manu rebateu, dizendo que trabalha no Comedy Central. Caio sugeriu que a profissional deveria ser desligada do canal.

Em seguida, o diretor tentou se justificar e alegou que tratou os participantes da reunião como se estivessem na sala de sua casa.

“Na sala da minha casa eu não consumo esse tipo de comédia, apesar de eu patrocinar, promover e pagar o salário dessas pessoas”.

Através de nota, Caio Corsalette reconheceu o erro em suas falas.

Veja+: Rafael Portugal oferece produtos para barba de William Bonner

“Sobre o áudio em que faço considerações sobre comediantes: errei. Por isso peço desculpas de forma clara e aberta. A fala não condiz com o que penso como profissional”, disse.

Manu Maciel postou a conversa com Caio em seu perfil no Instagram e humoristas agradeceram a firmeza dela na defesa da classe.

“Obrigado”, escreveu Rafael Portugal.

“Mandou muito bem! Já estamos resolvendo isso! Obrigado por defender todo mundo sozinha!”, escreveu Fábio Porchat.

“Parabéns pela resposta”, disse Gregório Duvivier.

“Eles passarão… eu, passarinho”, filosofou Nando Viana, citando Mario Quintana.

Veja+: Rafa Portugal aposta em carreira de cantor e lança música