Polêmica às 10:32

Seungri, ex-cantor do K-Pop, é condenado à prisão por incitar prostituição

Seungri, ex-cantor de K-Pop

Reprodução/Instagram

O mundo do K-Pop faz muito sucesso pelo mundo afora por conta de suas canções e coreografias, mas também surgem muitas polêmicas. Agora, o ex-cantor de K-pop, Seungri, foi condenado a três anos de prisão por incitação à prostituição. A informação foi divulgada pela imprensa internacional nesta quinta-feira (12), após decisão de um tribunal militar.

De acordo com as informações, ele foi considerado culpado de nove acusações. Seungri abandonou a carreira artística depois que o escândalo veio à tona em 2019, ainda e se alistou ao Exército.

O grupo Big Bang ficou famoso em 2006 e Seungri, cujo nome verdadeiro é Lee Seung-hyun, se tornou um empresário de sucesso desde então.

VEJA TAMBÉM:

Kris Wu, astro do K-Pop, é preso após acusação de estupro

5 recordes impressionantes no universo do K-pop

K-pop: Conheça os grupos promissores da nova geração

O CASO

Seungri era acusado organizar serviços sexuais para potenciais investidores em seu negócio, assim como de promover jogos de azar no exterior em cassinos de Las Vegas, envolvendo transações ilícitas de divisas.

“É difícil acreditar que o réu não estivesse a par dos pagamentos financeiros feitos às mulheres em troca de serviços de caráter sexual. Parece que realizou um serviço de prostituição sexual sistemático”, disse o juiz.

O fato de ter dado declarações contraditórias em seus interrogatórios para a polícia e no tribunal complicou a vida do ex-artista ainda mais.

Além dos três anos de prisão, o cantor também foi condenado a pagar uma multa de US$ 1 milhão (R$ 5,2 milhões) a título de restituição.

No entanto, nas redes sociais, muitos internautas disseram que, apesar de ser declarado culpado, a pena foi “muito leve”.

PRINCIPAIS NOTÍCIAS

Namorado da atriz Carla Daniel não sofreu queda, diz necropsia

Globo afasta Cauã Reymond e ator faz dengo: ‘De molho em casa’

 Ilha Record: Valesca diz que vota em quem Pyong mandar e é atacada na web

Marcos Mion mostra tênis especial, caro e raro que usará ao entrar na Globo

Felipe Neto rebate ataques após revelar ter testado positivo para o Covid-19