Polícia às 14:01

Pai de Halyna Hutchins não culpa Alec Baldwin pelo acidente fatal

Halyna Hutchins com o marido e o filho

Foto: Reprodução/Instagram/@halynahutchins

O ex-militar Anatoly Androsovych, pai da diretora de fotografia Halyna Hutchins, morta acidentalmente por Alec Baldwin, no set do filme Rust, diz que não culpa o ator pelo que aconteceu.

Em uma entrevista ao jornal inglês The Sun, Androsovych culpou a equipe de acessórios do filme por entregar a Baldwin uma arma carregada.

O homem agora está tentando conseguir vistos para sua esposa Olga e a filha Svetlana entrarem nos Estados Unidos para visitar e apoiar o marido de Halyna Hutchins, Matthew, e seu filho de nove anos, Andros.

“Ainda não podemos acreditar que Halyna esteja morta e que sua mãe está enlouquecendo de dor”, disse Anatoly ao The Sun no domingo 24 de outubro. “Mas eu não responsabilizo Alec Baldwin, a responsabilidade é das pessoas que entregaram a arma a ele. [O filho de Halyna] está muito afetado, ele está perdido sem sua mãe”, disse o pai de Hutchins.

Veja+: Globo revela medidas de segurança após tragédia de Alec Baldwin

A irmã mais nova de Halyna, Svetlana Androsovych, também falou e criticou a produção por ‘negligência’ no set de filmagem.

“Como esse descaso foi permitido por uma equipe tão profissional? Esta é uma coincidência absolutamente absurda. Não sei para onde a investigação vai levar, mas há muitas suposições. Só Deus sabe o que aconteceu, é incrivelmente difícil sobreviver a isso. Tudo o que queremos agora é estar lá com minha mãe junto com o marido e filho de Halyna para ter certeza de que eles sentem nosso apoio.”, indicou.

Halyna Hutchins nasceu na Ucrânia e foi criada em uma base militar soviética no Círculo Polar Ártico.

Após o acidente, Alec Baldwin emitiu uma declaração expressando sua dor e confusão sobre o que aconteceu:

Veja+: Alec Baldwin cancela compromissos após tragédia no set

“Não tenho palavras para expressar meu choque e tristeza pelo trágico acidente que tirou a vida de Halyna Hutchins, esposa, mãe e colega nossa, profundamente admirada (…) meu coração está em pedaços pelo marido, filho e por todas as pessoas que amavam Halyna “, disse o ator, confirmando que está cooperando com as autoridades.

“Estou cooperando totalmente com a investigação policial para tratar de saber como essa tragédia ocorreu”, disse Alec.

ENTENDA O CASO

De acordo com o The New York Time, o ator disparou uma arma cenográfica e acertou em cheio a diretora de fotografia Halyna Hutchins, de 42 anos, que morreu e feriu o diretor Joel Souza, de 48. O fato aconteceu no Bonanza Creek Ranch, em Santa Fé, Novo México.

“O gabinete confirma que os dois indivíduos baleados no set de ‘Rust’ foram a diretora de fotografia Halyna Hutchins, 42, e o diretor do filme, Joel Souza, 48, atingidos quando uma arma cenográfica foi disparada pelo ator e produtor Alec Baldwin”, afirma o comunicado.

Socorrida, Hutchins chegou a ser levada de helicóptero ao hospital da Universidade do Novo México, mas não conseguiu resistir aos ferimentos. Já Joel Souza, que foi atingido no ombro, foi levado de ambulância ao centro médico Regional Christus St. Vincent e já recebeu alta.