Realeza às 04:00

Príncipe Charles se emocionou ao conhecer a neta, Lilibet Diana

Lilibet Diana, Príncipe Charles
Foto: Reprodução/Instagram

Segundo o jornal “Daily Mail”, o príncipe Charles teve um primeiro encontro “muito emocionante” com a neta Lilibet Diana. Ele recebeu o Príncipe Harry, Meghan Markle e os netos Archie, de três anos e Lili, de um ano, em sua residência oficial em Clarence House.

Leia+: Príncipe Charles ganha homenagem no dia dos pais

De acordo com fontes do palácio de Kensington, o herdeiro do trono britânico passou um tempo agradável com os netos, e se emocionou muito ao conhecer Lili e ver o quanto Archie tinha crescido.

“Foi fantástico vê-los. Foi maravilhoso tê-los de volta à Grã-Bretanha. O príncipe e a duquesa ficaram absolutamente emocionados ao vê-los. O príncipe, é claro, não vê seu neto Archie há algum tempo e foi muito, muito, muito especial passar algum tempo com ele. Ele não conhecia Lili, sua neta, então conhecê-la foi muito emocionante, uma coisa muito, muito maravilhosa”, assegurou a testemunha.

Harry e Meghan participaram de um culto de ação de graças na Catedral de São Paulo como parte das celebrações do Jubileu de Platina, da rainha Elizabeth, no mês passado.

Leia+: Príncipe Charles quer viajar muito antes de ficar senil

A monarca de 96 anos também conheceu sua bisneta, que comemorou seu primeiro aniversário durante sua estadia no Reino Unido.

O duque e a duquesa de Sussex agora vivem em Montecito, Califórnia, depois de deixar o cargo de membros-senior da família real.

COM HARRY AO SEU LADO

Príncipe Charles tem pressa em fazer as pazes com o filho Harry. Segundo a autora e biógrafa real Tina Brown, que escreveu o livro “The Palace Papers”, o futuro rei da Inglaterra precisará contar com o príncipe Harry e sua esposa, Meghan Markle, para aumentar sua popularidade durante seu próximo reinado.

O príncipe de Gales deve se tornar príncipe regente [que governa uma monarquia diante da incapacidade do soberano, no caso a Rainha Elizabeth II] após o Jubileu de Platina, e para alguns especialistas ele precisará da ajuda dos Duques de Sussex para obter apoio estratégico.

Tina Brown comentou em uma entrevista ao jornal Express: “Acho que Charles realmente os quer de volta. Ele precisará deles de volta de certa forma, porque Harry e Meghan eram enormes. Eles eram ativos em todo o repertório real… Eles tinham um apelo jovem que era muito poderoso no país”, justifica.

“Meghan e Harry irradiaram seu carisma durante os recentes Jogos Invictus na Holanda.”

Leia+: Príncipe Charles se solidariza com as vítimas da Ucrânia

A comentarista real Kinsey Schofield disse anteriormente que o príncipe de Gales tem um “coração muito mole” e está “ansioso para iniciar o processo de cura com seu filho mais novo”.

“Ele é desesperadamente apaixonado pelo príncipe Harry e a relação próxima e divertida que tinham antes de tudo, embora agora não goste de suas ações, mas o príncipe Harry é seu DNA e dói quando eles não se falam, dói quando as coisas não vão do jeito certo e acho que ele está ansioso para iniciar esse processo de cura”, afirma.

Siga OFuxico no Google News e receba alertas das principais notícias sobre famosos, novelas, séries, entretenimento e mais!