BBB 22 às 11:52

Arthur Aguiar sobre o BBB22: ‘Fui com meu desejo e coragem da Maíra’

Arthur Aguiar no Encontro
Divulgação/TV Globo

Nesta segunda-feira (16), o “Encontro” foi especial. Foi a primeira atração em que a plateia estava sem máscara, mas não só isso. O programa também recebeu Arthur Aguiar, campeão do BBB22 e Maíra Cardi, esposa dele e também ex-BBB.

Com o termo “Arthur no Encontro” entre os mais falados nas redes sociais e na nuvem da atração, Fátima Bernardes logo começou a entrevista e questionou se Arthur Aguiar imaginava que chegaria tão longe no BBB22.

“Eu não imaginava que eu pudesse ir tão longe. Ganhar era improvável na minha cabeça, ainda estou absorvendo o carinho das pessoas. Por onde eu passo, eu vejo o carinho eu falo: ‘aconteceu isso mesmo?’. Eu voltando de coelhinho parecia gol de Copa do Mundo. Sou muito grato a tudo que vem acontecendo na minha vida”, disse.

Leia+: Arthur Aguiar é ‘cancelado’ em casamento e tem presente rejeitado

O ator ainda revelou que não sabia o tamanho do favoritismo que tinha, mas sentiu alguns momentos em que poderia estar fazendo “algo certo” lá dentro.

“Não achei em nenhum momento, eu acho que tiveram dois momentos, que eu pensei que estava certo. Quando eu volto do Paredão com a Jade e quando eu vou para o Quarto Secreto. Ali eu imaginei que poderia ir mais longe do que imaginei. Eu sabia que era coerente, seguia uma linha de raciocínio, sabia o que estava fazendo, mas não sentia meu protagonismo. Eu descobri isso quando eu saí, fui feliz na minha leitura de jogo. Deixei minha família, não era um passeio ali, era um jogo, fui para me jogar. Dormia no Big Fone, fugia do Paredão, eu precisava de tempo lá dentro. Eu queria mostrar o todo. Na linha de tempo da minha vida, existem erros, mas existem outras coisas legais também”, revelou.

Arthur Aguiar no Encontro
Divulgação/Globo

Sobre o prêmio de R$ 1,5 milhão já ter destino, Arthur revelou que vai decidir isso com sua família, mas que ainda nem está com o dinheiro na conta.

“Eu não pensei o que fazer ainda, é uma decisão que quero tomar com minha família, porque dá para fazer muita coisa, mas quero pensar ainda. O dinheiro nem está comigo ainda”, afirmou.

O cantor ainda revelou como vem absorvendo as coisas depois do reality show, o que considera mais uma “passagem de sua vida”.

Leia+: Arthur Aguiar mostra recepção dos fãs e anuncia data do primeiro show

“É muita coisa. Eu sou muito privilegiado. Eu fiz Rebelde, rodamos o Brasil todo, gravava a novela. Tive muitas coisas legais e o BBB é uma outra etapa na minha com minhas fragilidades, dificuldades, facilidades. Eu estou em um processo de autoconhecimento para saber quem eu sou, o que eu gosto de fazer e venho nessa crescente. O BBB é uma passagem na minha história e se eu passasse bem por ele, eu poderia fazer o que eu quisesse fazer, eu precisava entender quem eu era, o que eu queria fazer”.

Arthur Aguiar ainda revelou que, apesar de querer entrar no programa, tinha muito medo por conta do cancelamento.

“Eu tinha muita vontade, mas nenhuma coragem. Ela foi um fator decisivo na minha decisão. Ela falou para mim: ‘Eu tomo conta de tudo’, então ela foi muito importante. Aquilo me deu muita força. Entrei com minha vontade e a coragem da Maíra”.

Lá dentro, Arthur passou por várias dificuldades em que se sentia muito sozinho e revelou que o acolhimento de Tiago Abravanel e dormir bastante, algo que era muito marcado por quem assistia o programa, acabavam sendo refúgios para ele.

Leia+: Maíra Cardi relembra primeiro culto com Arthur Aguiar pós-BBB22

“Foi muito importante o acolhimento dele (Tiago) comigo. Me senti sozinho em muitos momentos. Quando o Tiago saiu, eu senti muito, foi difícil. Ele era um cara que me acolhia. Os casos de rejeição e abandono eram gatilhos para mim, é muito difícil lidar. Eu faço terapia, mas é difícil. Ali no jogo, você não sabe para onde ir, então eu ia dormir para ver se o tempo passava mais rápido”.

Arthur Aguiar vendo imagens do BBB22 no Encontro
Divulgação/Globo

O campeão do BBB22 ainda falou da pausa nas redes sociais, onde, inclusive, ele já retornou, pois percebeu que isso era “munição” para quem não o apoiava.

“Lá dentro do jogo, era algo pesado. Como jogador, eu sabia que aquilo (Jogo da Discórdia) era bom para mim, que era algo positivo, mas para o Arthur, como pessoa, era ruim. Eu sofria os ataques, quando saí, achei que tinha acabado o jogo, mas não acabou. Muita gente não reconheceu a vitória, então eu queria saber de quem me apoiou, como a Xuxa, o Luciano Camargo, o (Leandro) Hassum. Então, fiz uma pausa. Mas aí eu me toquei que estava alimentando meus inimigos em não aparecer e não a quem me apoiou”, disse.

O cantor ainda afirmou que fará uma gravação de seis músicas com a participação de Matheus Fernandes, Matheus e Kauan, Sorriso Maroto, além de três músicas solo na próxima semana.

Siga OFuxico no Google News e receba alertas das principais notícias sobre famosos, novelas, séries, entretenimento e mais!