Reality Show às 10:00

Kourtney Kardashian não consegue perdoar o ex-cunhado

Kourtney Kardashian
Kourtney Kardashian / Reprodução TV / Star+

No novo episódio do reality show “The Kardashians”, as infidelidades do ex de Khloe Kardashian, Tristan Thompson, vieram à tona outra vez. A irmã mais velha de Khloe, Kourtney Kardashian, confessou que ainda não está pronta para perdoar totalmente o ex-cunhado por trair sua irmã várias vezes. Ela revelou que tem momentos que não consegue nem estar perto do pai de seus sobrinhos True e Tatum.

Enquanto esperava Khloe e Tristan a visitarem em sua casa em Palm Springs, Kourtney disse: “Tristan tomou decisões e escolhas horríveis, você sabe, com minha irmã”, afirmou.

“Há momentos em que me sinto com tanta raiva que não consigo nem estar perto dele, e há momentos em que simplesmente deixo pra lá porque só queremos harmonia, e ele é o pai da minha sobrinha e do meu sobrinho”, justifica.

Mas a forma como Thompson é tratado por Kourtney foi notado até por sua filha Penelope Disick, que demonstrou que não gosta de Tristan.

“Eu sinto que ela herdou isso de mim”, explicou Kourtney, 44, depois de perguntar à filha – que ela divide com o ex Scott Disick – se estava tudo bem para ela, Tristan e Khloé os visitarem.

“Estou muito orgulhosa de mim mesma por onde estamos eu e Tristan, e como posso permitir que ele seja o pai que ele quer ser… Se Penelope tem esses sentimentos por ele, com razão, então bem por você, menina… eu quero que Penelope tenha esses sentimentos, e não quero convencê-la de que os abandone, porque eu não quero que esse comportamento seja algo que eu esteja validando ou justificando”, explicou.

“Quero que ela saiba que como ela se sente é a forma correta de sentir-se… não deveríamos aceitar que alguém nos trate assim!”, comentou sobre as infidelidades do ex-cunhado com sua irmã.

Embora Kourtney não consegue perdoar Thompson, sua irmã Khloe já o fez, pelo bem de seu relacionamento de co-parentalidade e pelo bem de seus filhos.

Travis Barker ficou furioso com os comentários nas redes sociais, de que a suposta rivalidade entre sua esposa Kourtney Kardashian e sua irmã Kim Kardashian, tem a ver com os comentários que o baterista do Blink-182 fez sobre a cunhada, em sua biografia de 2016, “Can I Say”.

A ex-mulher de Travis, Shanna Moakler, já entregou que seu casamento acabou porque supostamente Travis a traiu com Kim, e na internet, trechos do livro de Barker ressurgiram, onde ele chamou Kim de “gostosa pra car*lho” e admitiu “estar de olho nela secretamente” quando ele teve um breve namoro com Paris Hilton em 2006.

Muitos fãs então especularam que a paixão passada de Travis por Kim levou à sua rivalidade com Kourtney, 44, mas ele não está gostando desse papo. Em uma nova entrevista, Travis rebateu todas essas especulações:

“Você dá às pessoas um pouco de informação e elas pensam que resolveram o mistério de ‘é por isso que estão brigando’. É tão ridículo”, disse ao jornal “Los Angeles Times”.

“É tipo, ‘os fãs de Kourtney estão preocupados com Travis. Ele é um mulherengo.’ Parem com isso”, criticou.

Quanto aos comentários que compartilhou sobre Kim em suas memórias, Travis disse: “Obviamente, compartilhei todas essas coisas porque queria superar isso. Foi terapêutico para mim”, justifica, acrescentando que sua ‘paixão’ por Kim nunca causou nenhum drama entre as irmãs.

“Essa é a irmã dela. Ela sabe que costumávamos conversar. Nada de ruim estava acontecendo.”

Em 2021, Kim também encerrou os rumores sobre ela e Travis Barker: “NÃO! Narrativa falsa!”, Kim escreveu em um story no Instagram quando questionada se ela já ficou com Travis. “Somos amigos há anos e estou muito feliz por ele e Kourt”, acrescentou, na época.

Notícias Relacionadas