The Voice Brasil às 15:52

The Voice Kids: Técnicos se surpreendem com os talentos em novas Audições às Cegas

Cantores mirins do The Voice Kids

Reprodução/Globo

Na tarde deste domingo (11), aconteceu o sexto dia de Audições às Cegas e os cantores mirins surpreenderam os técnicos Carlinhos Brown, Gaby Amarantos e Michel Teló ao buscarem uma vaga no time de cada um deles.

A primeira a se apresentar foi Helloysa do Pandeiro, que, aos 14 anos, entrou tocando pandeiro e se apresentou com o “O Canto da Ema”, sucesso gravado por nomes como Jackson do Pandeiro, Gilberto Gil e Elba Ramalho. Ela escolheu o Time Brown.

Helena Bemelmans, aos 13 anos, cantou a música “O Pato”, de João Gilberto. Gaby Amarantos virou a cadeira e garantiu a garota em seu time para o restante da temporada.

“Acredito que você vai poder brilhar, desabrochar nesse palco”, disse Gaby.

Lipe Araújo, também de 13 anos, representou o Rio Grande do Sul e escolheu a canção Amor Maior, do Jota Quest, conquistando Michel Teló, que virou a cadeira ao final da música, levando o garoto para o seu time.

“Você soltou o vozeirão e mostrou que queria muito. Falei: ‘Tenho que virar para esse grande cantor'”, disse Teló.

Natural de Santa Maria, também do Rio Grande do Sul, Manu Ferraz, de 11 anos, escolheu ‘hino do Brasil’, “Evidências”, sucesso na interpretação de Chitãozinho & Xororó e conquistou os três técnicos. No entanto, o coração bateu mais forte pelo conterrâneo e ela escolheu Michel Teló.

Depois de dois representantes da região Sul do país, Bia Dourado, de 11 anos, do Belém, do Pará, cantou a música “Someone You Loved”, sucesso do cantor escocês Lewis Capaldi. Gaby Amarantos, conterrânea de Bia, virou a cadeira e colocou a menina em seu time.

Mariane Reis, de 13 anos, natural da cidade de Socorro, no interior de São Paulo, cantou “Seio de Minas”, sucesso na voz de Paula Fernandes para fazer sua estreia em um palco. Carlinhos Brown e Gaby Amarantos viraram a cadeira, mas ela ficou com a técnica paraense.

Gyovanna Antunes, de 13 anos, natural de Juazeiro, na Bahia, arrasou ao cantar “Conto de Areia”, muito conhecida na voz da inesquecível Clara Nunes. No entanto, quando tudo parecia ir por água abaixo, Carlinhos Brown virou a cadeira e a levou para seu time.

Natural de Santa Catarina, Bryan Teles, de 12 anos, representou o ritmo sertanejo e fez sucesso ao virar as três cadeiras dos técnicos. Ele interpretou “Será Que Foi Saudade”, sucesso de Zezé Di Camargo & Luciano e escolheu o Time Teló.

Aos 13 anos, Lua Brunetti, de Florianópolis, em Santa Catarina, foi a única representante do rock e surpreendeu ao som de “Esse Tal De Rock Enrow”, sucesso de Rita Lee. Gaby Amarantos foi a única a virar a cadeira e levou a menina para o seu time.

Representando a Bossa Nova, Isabelly Sampaio, de 13 anos, do Rio de Janeiro, encantou os três técnicos, que viraram as cadeiras para o talento da garota, que interpretou “Chega De Saudade”, sucesso de Tom Jobim e Vinicius De Moraes. Ela foi para o Time Brown.