Saúde às 16:35

Wanessa Camargo desabafa: ‘Reestruturar o que estava quebrado’

wanessa camargo posando contemplativa na praia
Reprodução/Instagram @wanessa

Wanessa Camargo está passando por dias extremamente intensos, pois ela se separou do marido Marcus Buaiz, além de durante sua vida, ter sofrido com a síndrome do pânico, algo que a marcou profundamente de diversas formas na vida mental e pessoal.

Em entrevista para a revista Maire Claire, a cantora falou do assunto: “O pânico me fez olhar de fato para tudo o que preciso colocar nos eixos na minha vida. E não me distrair mais, não olhar mais para a felicidade fora de mim. Ele me fez olhar para dentro”.

Eu precisei reestruturar dentro de mim o que estava quebrado. E, basicamente, a autoestima e amor próprio. Então, fui atrás de outras pessoas melhores, de estudo, fui olhar para dentro. Me encontrei com meus fantasmas e tive que exorcizá-los”.

Leia+: Saiba como estão Wanessa e Marcus Buaiz menos de um mês após separação

“Foi por meio do pânico que falei: ‘O que está acontecendo comigo?’. Hoje estou orgulhosa de mim, feliz comigo”, afirmou ela, que acreditar não haver uma cura para síndrome do pânico. “É como a bulimia, por exemplo. Eu tive bulimia mas eu não provoco vômito há mais de 20 anos. Mas é um lugar que sempre olho com cuidado”.

“Porque essa coisa que a nossa geração viveu, sobre o corpo, o externo perfeito, foi pesado para mim. Quando comecei minha carreira foi muito forte, eu me sentia horrorosa, eu queria emagrecer a qualquer custo. Não importava minha saúde. Eu precisava ficar magra”, explicou.

Eu pensava que só seria feliz se estivesse magra, bonita, com poder, com dinheiro, sendo popular. E eu não preciso de nada disso para ser feliz. Porque eu tive tudo e não fui”.

DESABAFO SOBRE SEPARAÇÃO

Wanessa Camargo e Marcus Buaiz se separaram recentemente (Foto: Reprodução/Instagram @wanessa)

Ao ser questionada sobre a separação com Marcus Buaiz, Wanessa Camargo garantiu que nunca chegou a pensar em ficar na cama esperando tudo passar: “O meu ficar na cama nunca existiu. Nem no pânico. Eu amo muito viver. Meu medo da morte é porque gosto muito de viver. E eu tenho muita coisa para fazer. Quando aprendi que sofrimento é uma opção e a dor vai acontecer, a gente aceita que o tempo é o senhor da razão”.

Que a dor vai vir, que terão desafios e que vamos enfrentá-los. Mas se você está em paz, com a certeza de que está no momento de vida que aquilo precisa acontecer…Não quero que a minha felicidade seja a dor do outro. É o que está acontecendo comigo. O momento é muito difícil, mas vai passar, vai ficar tudo bem”.

Leia+: Após separação com Wanessa, Marcus Buaiz posta foto: ‘Tempo de recomeçar’

“Porque é uma decisão tomada com muito carinho, com muito respeito e foi uma história que deu muito certo. Fiquei num casamento 17 anos e agora começa um novo ciclo e está tudo bem. Vai ter esse momento de transição, que é o mais difícil, mas a gente vai sobreviver e vai dar tudo certo”, afirmou ela.

A cantora ainda falou de como os filhos ficaram nessa situação: “Neste momento a gente está lidando com outro processo, está muito cedo para sentir qualquer coisa. Eu e Marcus estamos tentando com que as crianças tenham um momento, dentro disso, mais tranquilo possível”.

Com menos mudanças, menos coisas drásticas. Porque para eles já é muito difícil. Quais são as pessoas, além de mim e do Marcus, mais importantes nesse processo? José e João. O foco é neles”.

FILHOS ENTENDENDO A SEPARAÇÃO E FELICIDADE

Wanessa desabafou sobre como a separação afeta os filhos (Foto: Reprodução/Instagram @wanessa)

Aproveitando que estava falando dos filhos Wanessa foi questionada se eles lidaram bem com a notícia da separação dos pais: “Sim, as crianças entendem, mas é um processo difícil, né? Na verdade, entendem, mas depois não entendem mais. É muito delicado”.

“Eu nem tenho tempo de olhar para fora muito, eu estou olhando muito para dentro de casa. Como é que está na escola? Se vai ficar triste, vai ficar nervoso. Porque, às vezes, as crianças não sabem falar e ficam mais agressivos, cabisbaixos, silenciosos ou fugindo da realidade. Então é muita atenção, acolhimento e carinho. Se chorar, abraçar e acolher!”, declarou a artista.

Por fim, ela avaliou se é feliz na atualidade: “Hoje eu estou feliz, porque eu estou começando um processo de ser quem eu sou. De aceitar e me amar. E é aqui que está a felicidade. Outro dia ouvi uma frase linda: ‘a dor é inevitável, o sofrimento é opcional’”.

Leia+: Mansão milionária e casa emprestada: a nova vida de Wanessa e Marcus Buaiz

Essa frase fez muito sentido para mim, porque a gente não vai deixar de ficar triste. O estado de felicidade não está lá o tempo inteiro. Só que existe um lugar lindo chamado amor. Um lugar de aceitação, de acolhimento. A vida é sobre isso, é sobre os momentos. Vivemos hoje a fome emocional”.

“Nós somos um bando de gente carente buscando amor no outro. Buscando que o outro preencha o amor que a gente não tem pela gente. E a gente entra em relacionamentos, a gente põe no trabalho, no lugar errado. A gente tem que se olhar no espelho e falar: ‘Te amo’. Se acolher”, concluiu Wanessa Camargo.

Siga OFuxico no Google News e receba alertas das principais notícias sobre famosos, novelas, séries, entretenimento e mais!