Televisão às 17:00

Marcos Caruso e Eliane Giardini revivem ‘Avenida Brasil’ em peça teatral

marcos casuso e eliane giardini dando entrevista ao conversa com bial

Divulgação

No “Conversa com Bial” de sexta-feira, 29 de abril, os convidados do jornalista foram Marcos Caruso e Eliane Giardini, que já formaram um par romântico em “Avenida Brasil” e voltam a repetir a química na peça “Intimidade Indecente”, que arrebatou o público em Portugal.

No país lusitano, cerca de 22 mil pessoas assistiram ao espetáculo, em que a dupla interpreta um casal que se separa aos 60 anos, mas se reencontra durante outras fases da vida, até os 90. No Brasil, eles estrearam no Teatro dos Quatro, no Rio de Janeiro, e ficam em cartaz na cidade até dia 05 de junho.

Não poderia ser melhor depois de dois anos de pandemia, estrear em um lugar como Portugal. É uma coisa inacreditável, atravessar o oceano, chegar num lugar lindíssimo, que fala sua língua, onde te conhecem tanto quanto as pessoas no Brasil, foi muita emoção”, declarou Eliane.

Leia+: Eliane Giardini relembra Nazira e novela: “O Clone é um xodó que eu tenho”

“Existem coisas que não se fala mais hoje. O meu personagem é muito machista, e o machismo não cabe mais. Ele sofre algumas modificações porque além de ser um texto, é um pretexto pra interpretar com a sua própria vivência”, afirmou Caruso.

A sexualidade está presente o tempo inteiro. Eles são tão íntimos que falam coisas que, aos olhos e ouvidos dos outros, são indecentes, mas pra eles são normais. Até os 90 e tantos eles estão tentando”, completou ele.

marcos casuso e eliane giardini dando entrevista ao conversa com bial
Marcos Caruso e Eliane Giardini deram entrevista ao Conversa com Bial (Divulgação)

REPETINDO QUÍMICA DE MURICY E LELECO

O fato de Marcos Caruso e Eliane Giardini terem vivido Leleco e Muricy em “Avenida Brasil” tem auxiliado ambos na peça, pois eles relembram a química que possuíam nas gravações para contracenarem juntos.

A gente entrava no estúdio às 13h e ficava junto com a Amora [a diretora Amora Mautner] e o editor, e improvisava umas duas ou três horas, várias cenas. E aí eles marcavam as cenas improvisadas e saía do jeito que fazíamos”, garantiu Giardini.

Leia+: Diferente do Leleco em AVneida Brasil, Marcos Caruso nunca ficou bêbado

O João Emanuel [o autor João Emanuel Carneiro] adorava isso e nos dava carta branca […], e a gente traz essa química que conseguimos para a peça, acho que esse é o grande trunfo, a cereja do bolo”, completou Caruso.

muricy (eliane giardini) e leleco (amrcos caruso) discutindo em avenida brasil
Química de Muricy e Leleco é revivida pelos atores em peça (Divulgação/Globo/Alex Cabral)

Siga OFuxico no Google News e receba alertas das principais notícias sobre famosos, novelas, séries, entretenimento e mais!