A Fazenda às 00:41

Erika Schneider tenta explicar eliminação de A Fazenda 13

Erika Schneider tenta explicar eliminação de A Fazenda 13
Erika Schneider tenta explicar eliminação de A Fazenda 13. Foto: Reprodução/PlayPlus

Depois de deixar A Fazenda 13 com 33,24% dos votos, Erika Schneider tentou explicar os motivos que a tiraram do jogo. Ainda insegura com a recepção que terá do público aqui fora, a dançarina usou a mudança constante de sentimentos como explicação para a rejeição na noite desta quinta-feira, sete de outubro.

Apesar disso, Erika não sabia ainda que sua diferença de votos com Dayane e Tiago foi de 3 e 6%, respectivamente. Assim, usou um discurso mais delicado e até humilde com relação à participação no jogo.

“Talvez o público não tenha gostado da minha atitude. Foi um turbilhão de sentimentos na minha cabeça em vários momentos. Errei, acertei, pedi desculpas. Acho que é isso!”, afirmou. Adriane destacou ainda que a beleza da loira iluminou a casa.

Leia+: Votação recorde elimina Erika de A Fazenda 13

Anteriormente, Erika reforçou que não é uma pessoa famosa, uma vez que seu trabalho na TV não tinha tanto destaque quando era bailarina de Fausto Silva. “Não sou uma pessoa famosa. Muita gente não me conhece. Essas últimas semanas foram conturbadas”, analisou.

ANÚNCIO

Numa votação recorde e uma noite cheia de dicas da apresentadora, Erika Schneider está fora de A Fazenda 13. O discurso de Adriane Galisteu se dirigiu aos três participantes, mas deixou claro que jogar é um dos trunfos para a temporada. Como Victor Pecoraro adiantou mais cedo, o recado dado é para que os peões comecem a, de fato, se envolverem na competição.

“Seja qual for o adversário, uma coisa é pronta: O sabor da vitória. Vencer faz valer qualquer risco. É mais fácil comemorar a vitória do que procurar entender o porquê da derrota. Estar no lugar que vocês estão é encarar o medo de perder”, afirmou a apresentadora.

Leia+: Apostas marcam a noite antes da terceira roça de A Fazenda 13

Em seguida, começou a falar de cada um dos roceiros. Em ordem alfabética, deu conselhos e analisou a passagem de cada um pelo jogo. “Day, é a segunda roça consecutiva. Você poderia se abalar, mas você levantou a cabeça e veio aqui cheia de coragem. Isso não é para qualquer uma”, disse.

Galisteu também falou a respeito da dançarina e do cantor sertanejo. “Erika, de fazendeira a roceira: são tantas emoções. Em pouco tempo, você conhecer os altos e baixos desse jogo. Aqui ou lá fora, espero que tudo tenha sido uma lição de como lidar com o inesperado”, começou. Ao falar do artista, falou de coragem e serenidade: “Tiago, você esperava ser puxado da baia. Você aceitou o destino com a serenidade que um jogador tem que ter. Mas, também é preciso ter vontade de jogar”.

A diferença de votos entre os participantes foi pouca. Dayane ficou com 33,69% dos votos do público, Tiago levou de volta ao reality 36,07% de simpatia popular e Erika garantiu apenas 30,24% de apoio. Curioso foi lembrar que Adriane garantiu ao sertanejo que ele deveria aproveitar a ‘segunda chance’ que o público está dando a ele. Recado dado?

Leia+: Caso vá à roça, Victor promete acordar Rico com balde d’água

FAZENDEIRO

Uma das figuras mais polêmicas de A Fazenda 13, Rico venceu a Prova do Fazendeiro desta quarta-feira, 6 de outubro. Ele, Erika e Dayane competiam pelo chapéu. Na verdade, o alagoano deu uma goleada nas rivais de prova. Dessa forma, as duas se juntam a Tiago na Roça da semana.

“Eu vou botar ordem naquela casa. Tem gente que está numa colônia de férias aqui com os amigos. Vou mostrar como é que um fazendeiro trabalha de verdade!”, apostou Rico ao analisar seu reinado.

Apesar de perderem a prova, tanto Day quanto Erika não esconderam a emoção pelo amigo escapar da roça na semana. E não é a toa, porque Rico se tornou uma das personalidades mais fortes do jogo, reunindo diversas brigas com vários colegas no jogo.

FALEM BEM OU FALEM MAL

A Record TV investiu num modelo de Jogo da Discórdia para a Prova do Fazendeiro na noite de quarta-feira, 6 de outubro. Dayane Mello, Erika Schneider e Rico Melquiades disputaram o chapéu desta semana. Eles precisavam definir os colegas com alguns adjetivos como ‘a planta’ da edição, entre outros. Quem acertasse mais pontos, em comparação com as indicações dos outros peões, vencia.

Leia+: Amigos de Marina Ferrari defendem a empresária de polêmicas

A princípio, eles precisaram definir quem era a Planta da Casa. Rico apostou em Tiago, Erika deu o voto em Marina e Day em Dynho. Nessa rodada, Rico levou a melhor, uma vez que a maioria dos colegas concordou com ele. Aliás, Tiago ficou com nove votos para planta da edição.

Depois disso, eles precisaram decidir quem era o ‘mandão’ do jogo. “Todo mundo quer mandar, mas eu vou escolher o Bil”, justificou Rico. Day decidiu que Mc Gui seria o mandão e Erika ficou com o nome de Gui Araújo. “Ele é o mandante dessa semana mesmo, né?”, questionou Adriane após ver a opção da bailarina. De novo, Rico fez ponto.

A terceira pergunta da Prova para os roceiros questionou qual peão mostrava ser uma coisa, mas é outra. Erika, a primeira a jogar, apostou em Erasmo. Depois disso, Rico apostou em Victor e, por último, Dayane chamou o nome de Bil Araújo. Mais uma vez, o alagoano venceu a competição. Dessa forma, foi um 3 a 0 do influenciador, que ficou com o chapéu.

PRINCIPAIS NOTÍCIAS
Rico promete virar a Karol Conká de A Fazenda 13
Rainha Elizabeth II lembra do marido em evento
Reprise de O Clone começa com boa audiência
Coldplay e BTS estrelam no topo da Billboard 100 com My Universe