Redes Sociais às 10:18

Mayra Cardi se afasta das redes sociais por saúde da filha

mayra-cardi-e-filha-sophia-aguiar

Reprodução/Instagram

Eita! Mayra Cardi deixou os fãs preocupados ao avisar que vai se afastar das redes sociais por causa da saúde da filha, Sophia Cardi. Sem dar muitos detalhes, a empresária revelou que a pequena não estava se sentindo bem.

“Gente, vou sumir por um tempo. Sophia tá muito doentinha”, escreveu ela nos Stories do Instagram.

Veja+: Não acabou… Mayra Cardi afirma que ainda ama Arthur Aguiar

mayra-cardi-diz-que-filha-está-doente

Em outubro do ano passado, Mayra contou aos seguidores que a filha tem uma doença não diagnosticada, que prejudica o funcionamento do intestino.

Veja+: Filha de Mayra Cardi encanta web por sua reação ao ganhar presente

Na época, a coach fitness disse acreditar que os problemas surgiram em razão de tratamentos com remédios quando estava grávida: corticóide, para lidar com uma alergia, e antibiótico, devido a uma infecção.

Mayra Cardi revela que filha tem problema de saúde não descoberto

Na noite da última quinta-feira (15), Mayra Cardi contou em vídeo no seu Instagram que passou o dia no hospital. Porém, o problema não tem nada a ver com ela, mas sim com sua filha Sophia, de 1 anos e 11 meses, fruto de seu relacionamento com Arthur Aguiar.

Mayra Cardi impressiona ao mostrar obra em banheiro de mansão

“Estou acabada, passei o dia no hospital. Amanhã eu conto direito, mas, basicamente, Sophia tem alguma coisa que a gente ainda não sabe o que é desde que ela é pequena. Sei essas coisas que mãe sabe, na verdade, até desconfio, mas preciso de um diagnóstico”, disse ela.

Mayra tem a suspeita que pode ter sido algo relacionado ao fato de ela ter tomado corticoide no final da gravidez, devido a uma alergia, mas ainda vai aguardar um diagnóstico.

“Por causa da minha alergia me mandaram tomar remédio, mas eu fui extremamente contra, não quis. Mas minha alergia foi piorando, piorando. E eu tive que tomar corticoide durante a gravidez por 30 dias. Bem quando estava de sete meses para oito, que é bem quando começa a formar o intestino do bebê”, lembrou.