Redes Sociais às 11:40

Tata Werneck lamenta um ano da morte de Paulo Gustavo: ‘Eu amo você’

Tata Werneck e Paulo Gustavo
Reprodução/Instagram/@tatawerneck

Nesta quarta-feira, 4 de maio, completa um ano da morte de Paulo Gustavo. O humorista enfrentou sérias complicações causadas pela Covid-19 e não resistiu.

Leia+: Filhos de Paulo Gustavo recebem visita do ator. Entenda!

Em sua conta no Instagram, Tata Werneck, grande amiga do artista, fez questão de fazer uma homenagem a Paulo Gustavo.

“Me pergunto como você deve estar. Eu sonho com você quase todo dia. Você já aparece com cara de ‘fala, gente. Eu estava descansando’. Eu fico te perguntando nos sonhos sobre tudo. Você me diz que está bem. Já até gargalhou algumas vezes. Você deve estar satisfeito por ver tanta gente que te ama. Deve estar p*** por ver gente que não era amiga se fazendo. Deve estar bolado quando alguém posta foto sua que você acha que não saiu bem. Você deve estar fazendo comentários incríveis. Sua maneira de ver a vida fez história. Sua vida fez história. Você é vida pura. Eu amo você. Um abraço especial”, escreveu ela.

Leia+: ‘Deixa de ser dor e vira história para contar’, diz mãe de Paulo Gustavo

Tata Werneck lamenta um ano da morte de Paulo Gustavo
Tata Werneck lamenta um ano da morte de Paulo Gustavo – Foto: Reprodução/Instagram/@tatawerneck

THALES BRETAS SE DECLARA PARA PAULO GUSTAVO

Neste dia, 4 de maio, há um ano morria Paulo Gustavo. Morria? Não, fazia sua passagem para um plano superior, para brilhar ainda mais do que brilhou aqui na Terra.

Paulo Gustavo se foi por complicações da covid-19, após ficar mais de um mês internado, batalhando contra a doença. Hoje, muitas homenagens se fazem presentes ao saudoso ator e humorista, com um talento ímpar, que arranca risos e gargalhadas com seus textos e interpretações inteligentíssimas. Thales Bretas, viúvo de Paulo, fez sua homenagem ao marido, falando de aprendizado e saudade.

“Hoje, 04 de maio, completa um ano que meus sonhos e projetos tiveram um freio de mão puxado bruscamente. Em 2021, em meio à pandemia de Covid, vivi a partida do meu marido, companheiro de vida, pai dos meus filhos, com o qual passei muitos dos meus melhores momentos, realizei os meus maiores sonhos e idealizei tantas coisas por muitos e muitos anos ainda por vir. De repente, não pela primeira vez (e provavelmente nem pela última), percebi que os projetos na Terra não são só nossos, e que talvez há planos maiores a serem cumpridos, provavelmente em outro plano. Não há como negar a sensação de que um pedaço de mim foi arrancado precocemente. Principalmente tendo sido vítima de um vírus para o qual já haviam desenvolvido vacinas que estavam sendo aplicadas pelo mundo. Mas a negação não ajuda no processo do luto. Faz parte, é inevitável, mas não te move. O que me moveu e move é o amor pelos meus filhos, pelo meu trabalho, pela minha família, pela vida que continua, e pelo privilégio de poder gozar, com saúde, de tudo que Deus me dá e que, sem o menor aviso prévio, também pode me tirar. A saudade é imensa, o amor é eterno, o laço que tivemos e toda história que construímos são infinitos! A nossa experiência, aqui na Terra, é passageira e imprevisível, e com o PG aprendi a viver o presente, o hoje como se não houvesse amanhã, sem precisar ser inconsequente! Obrigado, meu amor, por me fazer tão feliz e me deixar um presente (dois) e um futuro tão lindos”, disse.

Siga OFuxico no Google News e receba alertas sobre as principais notícias sobre famosos, novelas, séries, entretenimento e mais!