Redes Sociais às 10:36

Thales Bretas faz festinha para os filhos e lamenta a falta de Paulo Gustavo

Thales Bretas fez uma festa junina intimista (Foto: Reprodução/ TV Globo)

Cada dia, um recomeço. É assim que Thales Bretas segue a caminhada sem o marido, Paulo Gustavo, que morreu em maio deste ano, vítima da Covid-19. No domingo, dia 11 de junho, o viúvo do humorista recebeu a amiga Carol Trentini e compartilhou alguns momentos do encontro em suas redes sociais.

O dermatologista de 33 anos mostrou postou um lindo registro ao lado dos herdeiros, Romeu e Gael, de um ano. Ele e os meninos vestiam as roupas iguais, temática, na festa junina intimista que contou com a supermodelo e o filho dela. Thales enfatizou que todos estavam testados.

“Eles amaram a mesa junina que montamos pra eles e pra receber a tia Carol Trentini com essa família especial que ja é nossa (todos devidamente testados, maioria imunizados)”, escreveu ele.

Veja+: Thales Bretas participa de homenagem a Paulo Gustavo na Parada LGBTQIA+

“Meus amores da vida, razão do meu viver! Mês que vem já fazem dois anos… como o tempo voa!”, emendou. 

No final da legenda, Thales Bretas lamentou a falta do marido.

“E como é irreparável a falta do papai Paulo… estará sempre presente em nós!”.

Em seu Instagram, Carol Trentini postou uma foto do filho, Benoah, de mãos dadas com um dos filhos de Thales.

“Mais que amigos, friends”, escreveu a modelo.

“Amo mais que tudo”, comentou o viúvo.

Veja+: ‘Sua ausência é presente’, diz Thales sobre Paulo Gustavo

Indignado com o ‘desgoverno’

No último dia 05 de julho, Thales Bretas participou do “Encontro” e desabafou sobre como a pandemia está sendo abordada nos noticiários. O dermatologista afirmou estar insatisfeito com a maneira que o governo Bolsonaro está lidando com o vírus. Decepcionado, o médico ainda disse que se considera ‘vítima’ do ‘desgoverno’ do presidente.

“A gente é vítima de uma pandemia mundial, mas nesse momento que a gente vive hoje, algumas atitudes do governo e de pessoas que são muito responsáveis pelo que a gente está vivendo são incabíveis e me sinto uma dessas vítimas”, começou. 

“É claro que é um vírus, mas poderia ter sido prevenida numa escala maior. Isso deveria ser feito de uma forma mais responsável, sinto que a gente está num desgoverno e o próprio presidente é uma pessoa que não inspira confiança e esses cuidados. Então, como respeitar?”.

Veja+: Thales Bretas emociona ao ver por do sol com os filhos