Casas dos famosos às 14:10

Simone Mendes vende mansão em Fortaleza: ‘Fiquei com uma menor’

simone-mendes-nos-stories

Reprodução/Instagram

Simone, da dupla com Simaria, contou para os fãs nas redes sociais  que vendeu uma de suas mansões em Fortaleza, no Ceará. A cantora, que está sempre compartilhando curiosidades sobre os seus imóveis, ficou com uma casa menor e explicou a decisão da mudança no Instagram.

Veja+: Simone Mendes comemora festa junina especial em família

“Saí da casa que eu tinha. Eu vendi. Eu tinha outra menor. Como eu não venho muito para Fortaleza por conta do trabalho, pela demanda que tenho em São Paulo, fiquei com a menor só para passar o período de férias quando eu vier”, explicou Simone.

Veja+: Kaká Diniz comemora fim de ‘jejum’ e Simone

A cantora vive em uma mansão em São Paulo com o marido, Kaká Diniz, e os filhos, Zaya e Henry. Eles também têm imóveis em Orlando, nos Estados Unidos, onde costumam passar as férias.

Simone Mendes dá detalhes de cirurgia para retirada do útero: ‘Tentei de tudo’

No final de semana, Simone Mendes, dupla de Simaria, deu um susto em todo mundo ao aparecer em um hospital, mas depois explicou que ela estava no local, pois precisaria passar por uma cirurgia para retirada do útero.

A cantora sofria de uma adenomiose uterina, doença que gera um espessamento dentro das paredes do próprio útero provocando sintomas como dor, sangramento ou cólicas fortes.

Agora, a artista fez um vídeo em seu canal no Youtube em que detalhou tudo o que aconteceu com ela, inclusive, os momentos que antecederam sua ida ao hospital, como arrumando as malas para a internação.

“Eu tentei de tudo, mas não consegui reverter o problema e por isso estou indo para o hospital”, iniciou.

Enquanto estava no caminho, Simone se emocionou e disse que “Deus é perfeito”.

“Estou aqui emocionada e vendo que Deus é perfeito. Ele me fez uma promessa lá atrás que me daria dois filhos, um menino e uma menina, e com esse problema acontecendo hoje eu vejo que Ele não erra”, afirmou.

No vídeo, ela também explicou com mais detalhes que em outras oportunidades, sobre a doença que a fazia sofrer desde o nascimento de Zaya.

“Depois que tive a Zaya não parei de sangrar. Depois de 30 dias é a média para parar o sangramento após o parto, mas continuou pelo segundo mês e começamos a investigar. Aí descobrimos que eu estava com a adenomiose… Hoje faz três meses que continuo sangrando, tentamos algumas etapas para ver se conseguia conter o sangramento, mas sem sucesso. Primeiro foi o anticoncepcional, depois remédios e por último a introdução do Mirena, mas, mesmo assim, não parou de sangrar, então achamos melhor fazer a cirurgia, que é a retirada do útero”, contou.

No final do vídeo, Dr. Renato Kalil dá detalhes da cirurgia, além das recomendações para o pós-operatório, como ficar 40 dias sem pegar peso ou ter relações sexuais.