Covid-19 às 20:37

Xuxa lamenta mortes por Covid e pede Impeachment

Xuxa lamenta mortes por Covid e pede Impeachment

Xuxa lamenta mortes por Covid e pede Impeachment. Foto: Reprodução/Instagram

Em publicação nas redes sociais na tarde deste domingo, 10 de outubro, Xuxa lamentou as mortes por Covid-19 no Brasil. Nesse final se semana, a marca bateu 600 mil óbitos oficiais pela doença desde o começo da pandemia, em março de 2020. No texto, ela lembra que a falta de atitudes dos governantes poderia mudar essa tragédia. Sem citar nomes, deixa claro que a responsabilização dos jornalistas ou da própria doença não muda o cenário dramático que o país enfrenta.

Por fim, Xuxa também pede o Impeachment e afirma que a população está sendo enganada pela falta de atitudes de um governo que não se manifesta como deveria para enfrentar a doença. A Covid-19 já matou mais de 600 mil brasileiros e infectou aproximadamente 10% da população nacional, cerca de 21 milhões de pessoas.

“Não adianta dizer que é culpa da covid, do jornalismo, do mundo que critica ‘ele’. Quando as pessoas vão ver que estão sendo enganadas? Assinem já o impeachment”, escreveu a apresentadora.

Leia+: Xuxa alfineta Zé Neto após promessa de romaria

Na publicação, a mãe de Sasha compara o número de vítimas com outras possíveis quantidades. Por exemplo, os mortos ocupariam 1250 aviões comerciais, 8 estádios do maracanã ou ainda toda a população de Cuiabá, capital do Mato Grosso.

SEQUELAS

Ex-marido de Xuxa, Luciano Szafir enfrentou um quadro sério de Covid. Ele ficou internado e, recentemente, falou a respeito das sequelas que enfrenta pela contaminação. Por exemplo, o ator lembrou que ainda tem dores nas pernas.

“A bolsa de colostomia nem me incomoda, porque foi a cirurgia que salvou a minha vida. A pior sequela da Covid são as dores que tenho sentido nas pernas, mas isso vai passar também. Obrigado pela preocupação”, disse.

Outro boato que surgiu à época da infecção de Szafir foi de que Xuxa pagou por seu tratamento, o que ele desmentiu recentemente. Ele disse que esse tipo de notícia falsa já não o incomoda mais.

“Já me preocupei mais com essas notícias falsas. No passado, já me seguraram até para não querer bater em jornalista. Naquela época não tínhamos a visão que temos hoje. Graças a Deus, ainda bem que evoluímos. Hoje, leio, me chateio três segundos e depois já nem lembro mais”, desabafou ao jornal Extra.

“Estava preocupado em ficar vivo. Tenho plano de saúde. E, se Xuxa tivesse pagado, não teria vergonha. Infelizmente, existe uma imprensa ruim que não checa as informações e só quer vender a notícia o mais rápido possível”, completou.

O galã também ressaltou que sua relação com a ex-mulher é ótima e que ambos se importam com o que acontece com as famílias uns dos outros.
Tivemos 14 anos de história, temos uma filha linda. Nunca nos afastamos e isso nunca vai acontecer”, afirmou.

PRINCIPAIS NOTÍCIAS
Trilha sonora de grandes sucessos ganham trilha sonora
Ilha dos Segredos é o novo mistério da Netflix
Caio Ribeiro fala sobre diagnóstico do câncer
Neymar se despede das Copas do Mundo no Catar