Notícias às 15:48

Gloria Maria sobre ter namorado cinco pessoas ao mesmo tempo: “Vivia a vida”

Gloria Maria viveu poliamor antes mesmo do termo ser cunhado. Em entrevista, fala de relacionamento, carreira e saúde

Gloria Maria fala de saúde, relacionamentos e carreira em entrevista. Foto: Reprodução/Instagram

Gloria Maria conversou com Narcisa Tamborideguy numa live no Instagram. No vídeo, ela falou de seu tratamento contra um tumor no cérebro, deu detalhes de sua vida pessoal e da carreira no jornalismo. Um dos temas mais polêmicos de sua vida também apareceu na conversa, o relacionamento com cinco pessoas ao mesmo tempo. Para a jornalista, algo comum e que não repercutiu à época, porque as pessoas não se preocupavam tanto com a vida alheia.

“Falei num podcast que já namorei cinco ao mesmo tempo e todo mundo ficou chocado. Mas a verdade é essa. Só que era uma época que não tinha internet nem rede social, então a gente vivia e não ficava preocupado com a vida dos outros. Não estou nem aí, eu vivo, sou livre. Se eu ficar preocupada com isso nessa altura da minha vida, vou ficar maluca!”, afirmou a jornalista, que comandou a Retrospectiva 2021 da Globo.

SAÚDE

Durante a conversa, Gloria Maria também falou a respeito de seu tratamento contra um tumor no cérebro, diagnosticado em 2019. A doença fez com que ela se afastasse do trabalho já no começo de sua participação no Globo Repórter, ao lado de Sandra Annenberg. Ela já voltou ao programa às sextas-feiras, mais uma vez com sua companheira de tela.

Para a jornalista, estar de volta ao peso anterior ao tratamento é uma das questões principais de sua saúde. Ela já revelou que é algo preocupante, mas que passou, após perder 16kg e voltar a ter o corpo de antes. “Depois de ter inchado 14kg no meu tratamento, tomando corticoide, graças a Deus eu consegui perder 16kg. Estou magra, recuperada, bela, feliz com as minhas filhas e continuo me tratando, fazendo imunoterapia!”, explicou.

Contudo, não mentiu a dizer que vive uma rotina de medos por causa da doença. Ela faz tratamento de imunoterapia e exames constantes para monitorar o possível retorno do tumor, já eliminado. A apresentadora ainda ressaltou que este medo acaba por tornar a vida menos proveitosa, por isso, tem procurado ferramentas para enfrentá-lo ou aprender a conviver com ele.

“Cada dia, para mim, é um momento de medo dessa recuperação. A experiência que estou vivendo nesses últimos dois anos, que é uma experiência de um medo, um susto constante, porque um tumor no cérebro é uma coisa que assusta; cada exame, cada teste que você faz, tem medo de um fragmento voltar. É como se você estivesse vivendo numa forca o tempo inteiro. E se você tiver medo, não vive. Então, tenho aprendido essa arte de viver sem ter medo do medo. E isso é um exercício diário”, explicou.

CARREIRA

Logo no começo da conversa, Gloria mostrou a que veio e provou que não poderia ser mais leonina. Narcisa comparou a amiga a Oprah Winfrey e disse que ela era a versão brasileira da apresentadora norte-americana. A âncora negou. “A Oprah é que é igual a mim!”, replicou. Para a mãe de Laura e Maria, é um profissão que a ajudou a estar próxima do que mais admira na vida.

“O jornalismo apareceu na minha vida. Eu adorei, porque eu sou uma nômade, eu adoro o mundo, adoro gente, adoro conversar, aprender. Eu sou jornalista, porque sou uma pessoa que gosta do ser humano. Eu gosto de alma! Então, o jornalismo para mim, não é uma profissão porque eu quero aparecer, não”, explicou.

Em seguida, afirmou que a glamourização recente em torno de alguns profissionais e a forma como a notícia se constrói atualmente não foi o que a levou à televisão. Pelo contrário, comparou o trabalho a uma forma de arte, responsável por levar informação e ensinar ao público diferentes formas de ver e pensar a vida.

“Eu gosto de fato, de notícia, de realmente passar para as pessoas o que acontece no mundo. O jornalismo é arte e eu gosto da arte de informar. Eu não gosto da arte de glamour, de aparecer. Na época que eu comecei, não tinha isso, a gente nem aparecia na televisão. O jornalismo para mim é uma forma de vida, de mostrar para as pessoas o que o mundo é, o que a vida é!”, explicou.

Então, Narcisa lembrou de uma icônica entrevista de Madonna, quando Glória conseguiu conversar sem censura de tempo com a rainha do pop no mundo. Para ela, humildade e conhecimento foram a chave para conquistar a intérprete de “Like a Virgin”. A jornalista revelou os bastidores da conversa e explicou o que levou a cantora a se tornar tão próxima.

“Eu sou humilde. Eu sei fazer a diferença. A Madonna era a estrela e eu estava lá para fazer a estrela brilhar. Ela é leonina como eu, o que eu fiz? Eu fui com uma pedra linda, que é uma pedra maravilhosa. E já fui com ela pendurada. E a Madonna, quando me viu com aquela pedra, ela já olhou e falou ‘eu quero’. Eu expliquei para ela que meu inglês era péssimo, que os quatro minutos que eu teria não eram suficientes para falar tudo o que eu queria. Ela chamou a assessora dela e falou que era para eu deixar fazer o tempo que eu precisasse”, lembrou.

PRINCIPAIS NOTÍCIAS
Prima de Marília Mendonça, cujo pai também morreu no acidente, passa por cirurgia no coração
Felipe Netto termina namoro com Bruna Gomes: ‘Fui surpreendida’
Jojo Todynho desabafa após vizinho arranhar seu carrão de luxo

Siga OFuxico no Google News e receba alertas das principais notícias sobre famosos, novelas, séries, entretenimento e mais!